• Tratamento de paciente Classe II com aparelho autoligado cerâmico Clarity™ SL

    setembro 14, 2018

    Tratamento de paciente Classe II com aparelho autoligado cerâmico Clarity™ SL

    webLoaded = "false"
    •  

      Dr Julio Brant

      Dr. Júlio Brant é graduado em Odontologia pela UFMG, mestrado pela PUC-MG, especialização em Radiologia Oral, prática em horário integral em Belo Horizonte, e professor visitante em diversos programas de Ortodontia no Brasil e América Latina.


    webLoaded = "false"
    • Introdução

      Os bráquetes autoligados são cada vez mais utilizados no tratamento ortodôntico, em razão de suas vantagens na movimentação dental com baixa fricção, que facilita o início do movimento dentário pela diminuição da resistência inicial a movimentação. A diminuição do atrito é a principal característica do aparelho autoligado, facilitando o início da movimentação dentária e diminuindo o tempo de tratamento. O atrito está diretamente relacionado com o sistema de amarração, e como neste aparelho as presilhas ou os clipes não apertam o arco, a resistência à movimentação é diminuída.

      Na clínica ortodôntica, a combinação do uso de bráquetes autoligados e fios ortodônticos modernos é um dos grandes trunfos do tratamento com a tecnologia. O baixo atrito dos bráquetes, somado à grande diminuição das forças empregadas pelos arcos termoativos na fase inicial, propiciam alinhamento e nivelamento mais rápido e com menos desconforto, proporcionando condição de entrarmos em uma fase de trabalho mais cedo. Outra vantagem observada é a tendência à expansão das arcadas, nas primeiras fases do tratamento, fato que minimiza a utilização de aparelhos expansores.

      A grande vantagem de usar conjuntamente bráquetes autoligados e fios de alta tecnologia, tais como os superelásticos, de acordo com Zanelatto, é otimizar o movimento ortodôntico e ocasionar menos desconforto aos pacientes. “Esta combinação oferece aos ortodontistas a possibilidade de aplicar a quantidade de força necessária, aumentando a possibilidade de se obter resposta adequada nos tecidos periodontais, causando movimentações dentárias mais rápidas e eficientes, repercutindo no tempo de tratamento e nos efeitos colaterais”

      Em relação ao bráquete Clarity™ SL, o slot dos bráquetes SmartClip™ é menor do que do Damon, assim existe uma folga menor no sentido horizontal, permitindo que o arco se ajuste melhor dentro do slot dos bráquetes SmartClip™ e a finalização se torna melhor e com menores ajustes. Apenas os bráquetes cerâmicos 3M apresentam concentradores de stress na base que permitem a remoção previsível e segura dos mesmos.

       

       

       

       

       

    webLoaded = "false"

    Relato de Caso Clínico

    • Paciente M.K., 33 anos de idade, com queixa principal relacionada à estética do sorriso. Padrão esqueletal de Classe II, vertical profundo, retrognatismo mandibular, Classe II de Angle, subdivisão esquerda, atresia maxilar severa com mordida cruzada unilateral esquerda, apinhamento moderado superior e inferior. Paciente descartou qualquer intervenção cirúrgica, seja de disjunção palatina cirurgicamente assistida e/ou avanço mandibular. Para a camuflagem ortodôntica foi utilizado o Sistema Autoligado Clarity™ SL 3M Unitek, slot .022, prescrição MBT™ nos arcos superior e inferior. A sequência de fios compreendeu a utilização de .014 NiTi TA, .014 x .025 Niti TA e .018x.025 SS nos arcos superior e inferior. Elásticos intermaxilares cruzados e de intercuspidação (3/16”) e elásticos de Classe II em L (5/16”) foram usados como auxiliares. Tempo de tratamento: 17 meses. Número de consultas: 12 consultas.

      Foto do sorriso inicial

      • Foto lateral esquerda

      • Foto lateral direita

      Fotos iniciais evidenciam uma Classe II severa associada a atresia dos arcos maxilar e mandibular, mordida cruzada unilateral esquerda e evidência de corredor bucal

      • Foto da fase de alinhamento

      • Foto Oclusal Superior da fase inicial de alinhamento

      Fase inicial de alinhamento e nivelamento utilizando arcos 0.014 NiTi Termo Ativados, que favorecem a adaptação posterior transversal do arco maxilar e o descruzamento da mordida. Nenhum dispositivo palatino de descruzamento (disjuntor, quadri-helix) foi utilizado.

      • Foto Oclusal Superior da fase final de alinhamento

      • Foto fase de intercuspidação

      Desarticulação dos arcos com Transbond™ Plus Light Cure Band (3M Unitek™), arcos .014x.015 Nitinol Termo Ativados. Na fase final arcos .018x.025 SS coordenados, botões palatinos, ganchos e elásticos intermaxilares para intercuspidação.

      Foto do sorriso final

      Resultado final com todos os objetivos faciais iniciais propostos alcançados, corredor bucal totalmente preenchido, curva do sorriso restabelecida e estética facial obtida.

      • Foto Oclusal Inicial

      • Foto Oclusal Final

      Transformação significativa na forma do arco arco maxilar, com reflexo no descruzamento da mordida e no preenchimento do corredor bucal, impactando na estética facial e na melhora do sorriso.

      • Foto sorriso inicial

      • Foto sorriso final

      Resultado final. Um caso severo de Classe II associada a mordida cruzada dentária e esqueletica, tratado através de camuflagem ortodôntica de uma maneira simples e previsível com o Sistema Autoligado Clarity™ Sl de baixa fricção em 17 meses e 11 consultas.

      Referências:
      TREVISI, H.J. O sistema de aparelho autoli‑ gado SmartClip. Rio de Janeiro: Elsevier, 2007
      MALTAGLIATI, L.A. Braquetes autoliga‑ dos – no que diferem? Qual a vantagem em utilizá‑los na prática clinica? Rev. Clin. Or‑ todon. Dental Press, Maringá, v.6, n.5, p. 15‑ ‑30 ‑ out./nov. 2007


    Conheça mais sobre nossos produtos.


    webLoaded = "false"

    Espero que tenham gostado. Aguardem nossa próxima edição!

    • Patricia Rockenbach – Relações Educacionais e Científicas 3M Oral Care