1. Todos os produtos da 3M
 Resultados 

Adquira confiança com a linha completa de produtos para monitoramento da esterilização por peróxido de hidrogênio vaporizado

É uma questão de confiança.

Por décadas, centros de materiais e esterilização tem contado com os indicadores biológicos 3M para monitorar cargas de esterilização a vapor. Conquistamos sua confiança a cada ciclo, com mais de 850 milhões de ciclos monitorados por indicadores biológicos Attest™ no mundo todo. Agora, essa mesma tecnologia confiável de leitura rápida pode ser aplicada à esterilização por peróxido de hidrogênio vaporizado.

Saiba antes para responder mais rápido.

Resultados em quatro horas com o 3MTM AttestTM Sistema de Indicador Biológico de Leitura Rápida para Esterilização por Peróxido de Hidrogênio Vaporizado fornece a informação que você precisa quando há tempo para agir. Essa velocidade de resposta garante que falhas do ciclo de esterilização sejam detectadas 6 vezes mais rápido, aumentando sua capacidade de gerenciar riscos e tomar ações visando a segurança dos pacientes.

Padronize sua maneira de trabalhar.

Atualmente, você tem disponível tecnologias que permitem um alto padrão de monitoramento das cargas esterilizadas por vapor. Agora, com resultados mais rápidos, suas cargas esterilizadas por peróxido de hidrogênio permitirão uma padronização dos processos com a mesma segurança de cuidados para todos os pacientes.

Simplifique e aumente a segurança.

Com resultados mais rápidos e a interface simples da 3MTM AttestTM 490H Incubadora/Leitora, você pode documentar os resultados no mesmo dia, durante o mesmo plantão, talvez com o mesmo colaborador. Com resultados em quatro horas, os funcionários podem garantir que a leitura seja realizada e assegurar o gerenciamento da liberação de carga.


  • O que é um Indicador Biológico e como Funciona?

    A ISO 11138-1:2006 conceitua indicadores biológicos (IB) como um sistema teste contendo microrganismos viáveis provendo uma resistência definida ao processo de esterilização especificado.


    O Geobacillus stearothermophilus é o microrganismo mais resistente para ser eliminado pelo método de esterilização a vapor, peróxido de hidrogênio e ozônio. O esporo é uma forma resistente do microrganismo e a população presente é maior que 100.000 (ou 105).


    Após o ciclo de esterilização a ampola de vidro do IB, contendo o meio de cultura deverá ser quebrada e incubada, fornecendo condições favoráveis para o crescimento (nutrientes e temperatura). Dessa forma ele começa a germinar, saindo da condição de esporo até tornar-se vegetativo.


    O tempo de referência para incubação de indicadores biológicos é de 07 dias. Qualquer tempo menor que 07 dias é considerado, portanto, um tempo reduzido de incubação. Nos Estados Unidos os fabricantes, a fim de obterem registro do FDA (Agência de Saúde Norte Americana) , devem seguir esse protocolo, denominado Redução do Tempo de Incubação (RIT - sigla em inglês reduction incubation time), demonstrando desta forma, que os resultados obtidos com o RIT proposto estão correlacionados com os resultados obtidos no tempo de incubação de 7 dias em, no mínimo, 97% dos casos.


    Num ciclo falho ou numa ampola não utilizada existe a presença dos microrganismos viáveis, Dr. Rutala dividiu didaticamente em 03 gerações (primeira, segunda e terceira), para a forma que esses microrganismos serão detectados. A citar:


    - Segunda geração: a presença é detectada pela ‘mudança por pH’. Durante a germinação dos microrganismos eles produzem subprodutos ácidos, que mudam o pH do meio e ocorre uma mudança de cor do roxo o para amarelo.


    - Terceira geração: a presença é detectada por ‘fluorescência’. Durante a germinação dos microrganismos eles ativam a enzima α – glucosidase. Essa enzima reage com um composto não fluorescente (presente no meio de cultura) e geram um subproduto fluorescente que é detectado pela incubadora/leitora.


    Assim, o IB fornece uma evidência direta de que as condições do processo de esterilização foram alcançadas através da morte dos esporos, demostrando a letalidade ciclo. Portanto representa que microrganismos menos resistentes e em menor população presentes nos PPS também foram eliminados e estão seguros para o uso.

  • Explicação do Método de Esterilização por Peróxido de Hidrogênio Vaporizado. Porque é chamado vaporizado?

    O processo de esterilização a baixa temperatura com peroxido de hidrogênio (H2O2) é identificado como Vapor de H2O2 ou Plasma de H2O2. Em ambos processos o agente esterilizante H2O2 é admitido dentro da câmara interna no seu estado gasoso, identificado como VH2O2, e a diferença está no sistema de remoção do gás após a esterilização. O modelo mais antigo é o Plasma de H2O2 onde ao término da esterilização o Plasma é acionado para quebrar as moléculas de H2O2 em duas de H2O e uma de O2. No modelo Vapor de H2O2 o gás é removido com vácuo, passando por um conversor catalítico. Para garantir o condicionamento adequado do equipamento para a admissão do gás H2O2, a câmara interna precisa estar aquecida, sendo comum o uso de resistências elétricas para esta finalidade ou em alguns modelos de equipamento o Plasma também é utilizado para esta finalidade. Apesar de alguns estudos indicarem que o Plasma contribui com a redução de 1 ou 2 logs da população microbiológica, seu uso não foi projeto para esta finalidade.

  • Qual a vantagem de obter o resultado final da leitura do indicador biológico mais rápido?

    Em apenas quatro horas, a informação está pronta enquanto ainda há tempo para agir. Com esse avanço do tempo de resposta, o CME pode alertar o usuário enquanto o paciente ainda está no CC, ou mesmo evitar que esse PPS seja utilizado.


    O sistema proporciona leitura de fácil interpretação, apresenta contagem regressiva do tempo de incubação, previne erros de leitura, alerta no término do tempo de incubação ou na detecção de resultados positivos, alertando os profissionais para uma tomada rápida de decisão. Os resultados podem ser documentados no mesmo no turno, pelo mesmo colaborador, no mesmo dia - ajudando a padronizar as práticas de liberação e simplificar fluxos de trabalho. Os registros podem ser armazenados, possibilitando impressão, arquivados eletronicamente, ou ainda utilizando conectividade com os principais Sistema de Gestão do CME.


    Outra grande característica do Sistema é o Web App (aplicativo de internet). Para a utilização do Web App é necessário a utilização de um cabo Ethernet, que acompanha a incubadora. Quando a tecla “info” for pressionada ela mostrará o endereço de IP na tela de LCD quando a tecla. O endereço de IP deve ser inserido no navegador de um computador com acesso à internet. Desta forma, será possível visualizar a página do status do Web App na tela. Consulte os sistemas disponíveis para conectividade.


Solução para monitoramento da esterilização por peróxido de hidrogênio vaporizado


Vídeos / Treinamento


Outros Sites 3M
Onde Comprar
Siga-nos
As marcas listadas acima são marcas comerciais da 3M.